Saiba os riscos da obesidade para a saúde vascular

 em Artigos

Nesta quarta-feira, 11 de Outubro, é celebrado o dia de Prevenção à Obesidade, uma forma de alertar a população sobre os riscos da obesidade. Segundo os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais da metade da população brasileira está com sobrepeso e a obesidade já atinge a 20% das pessoas adultas.

O grande problema é que, quando não tratada, a obesidade pode desencadear uma série de doenças graves como diabetes, doenças cardíacas, doenças hepáticas e muitos tipos de câncer. Entre as doenças do sistema circulatório, a obesidade também é um dos principais agravantes, sendo um grande risco para a saúde vascular.

Segundo o cirurgião vascular Renato Fanchiotti, da Angiovalle, pessoas obesas têm mais chance de desenvolver doenças circulatórias porque costumam reter mais líquido e acumular gordura dentro dos vasos sanguíneos, o que dificulta a circulação.

“As varizes não são causadas apenas pela obesidade, mas são comuns em pessoas obesas por causa do aumento no volume interno abdominal, principalmente por acúmulo de gordura entre os órgãos. Isso faz com que algumas veias importantes, como a Veia Cava e veias ilíacas sejam comprimidas, prejudicando a volta do sangue para o coração, que fica parado nas pernas, aumentando a sua dilatação e piorando as varizes”, explica ele.

O cirurgião vascular Ricardo Yoshida completa que outra situação que pode ocorrer entre obesos é a trombose em decorrência do mau bombeamento do sangue para o corpo, gerando doenças ligadas ao sistema vascular.

“A trombose acontece quando um coágulo sanguíneo se forma em uma veia, normalmente nas pernas, bloqueando o fluxo sanguíneo. A complicação mais grave dessa doença é a embolia pulmonar, que acontece quando o coágulo se solta e prejudica a circulação pulmonar,” diz Yoshida.

Por isso, evitar a obesidade significa também se prevenir de uma série de doenças e problemas circulatórios. Para manter o controle do peso corporal, as principais dicas são:

 

– ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
Evite consumir alimentos industrializados, porque tem grandes quantidades de sódio, gordura trans, açúcar e conservantes.

– PRATICAR ATIVIDADES FÍSICAS
A panturrilha é o coração das pernas, por isso a cada contração muscular o sangue é bombeado e a circulação ativada. Quando a musculatura fica parada, pode acontecer retenção de líquido nas pernas, levando ao inchaço, peso e cansaço nas pernas. A recomendação é fazer exercícios de baixo impacto, como a caminhada, três vezes por semana.

– BEBER ÁGUA
A recomendação é beber entre oito e dez copos de água por dia, porque ela limpa e desintoxica todas as impurezas do organismo.

– COMER (APENAS) QUANDO SENTIR FOME
Comer apenas quando o corpo pede o alimento é uma boa maneira de prevenir a obesidade.

 

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Fale Conosco

Envie-nos um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt