Carótida

As artérias carótidas podem apresentar obstruções com o passar dos anos, devido ao acúmulo de gorduras que bloqueiam a artéria.

Podendo causar uma diminuição da quantidade de sangue e oxigênio que chega ao cérebro, dependendo do grau, pode resultar em um AVC (Acidente Vascular Cerebral).

CAUSA

Como principal fator está a aterosclerose acompanhada de , idade avançada, diabetes, tabagismo, sobrepeso, sedentarismo, pressão alta, colesterol elevado e histórico familiar.

SINTOMAS

Para detectar a obstrução da carótida é importante fazer exames de rotina, pois a doença pode ser silenciosa.  Mas um acidente vascular cerebral pode ser considerado um sintoma inicial.

O diagnóstico pode ser dado através do auxílio de exames de imagens. O grau de desenvolvimento e ter ou não sintomas, são fatores influentes na escolha do tratamento.

TRATAMENTO

Podendo ser tratado com medicamentos, mudança de estilo de vida e nos casos mais complexos, cirurgia.

O cirurgião vascular pode utilizar de duas técnicas a cirurgia endovascular e a aberta.

A cirurgia aberta também é conhecida como endarterectomia, que é a retirada das placas de gordura do interior da carótida, seguida da costura e restauração do fluxo sanguíneo.

O método endovascular é a realização da angioplastia da carótida, sendo minimamente invasiva, caracterizada pela introdução de balões e stents sem a realização de corte.

Open chat
Contato